Cidade do Vaticano
Selecione as datas para conferir as atividades disponíveis
Os Museus Vaticanos estarão reabertos a partir de 1 de junho! Para garantir a segurança de todos, o número de visitantes será limitado, a temperatura dos visitantes será medida e o uso de máscara será obrigatório para acessar o local. Um Vaticano menos cheio é uma experiência especial.
Garanta já o seu bilhete

Cidade do Vaticano: Atividades Turísticas e Ingressos

Cidade do Vaticano: ver todas as atividades turísticas

Roma: Principais Pontos Turísticos

1342 ingressos e atividades

O que é a Cidade do Vaticano?

Cidade do Vaticano: todo mundo já ouviu falar, mas o que é exatamente? É parte de Roma? É independente? Somente o clérigo pode entrar? São muitos os mistérios e equívocos envolvendo a Cidade do Vaticano. Confira 5 fatos fascinantes sobre este local.

O menor país do mundo

O menor país do mundo

Com uma pequena população de 842 pessoas e área de 0,44 km² (cerca de um oitavo do Central Park de Nova Iorque), a Cidade do Vaticano é o menor Estado-nação independente do mundo.

Uma economia sem comércio ou impostos

Uma economia sem comércio ou impostos

Por ser uma economia totalmente não-comercial, todo a renda da Cidade do Vaticano vem de doações, da bilheteria dos museus e da venda de selos postais, livros e souvenirs para turistas.

Uma verdadeira joia cultural

Uma verdadeira joia cultural

Contando com os famosos Museus Vaticanos, Capela Sistina e Basílica de São Pedro, a Cidade do Vaticano é um destino turístico popular, atraindo mais de 4 milhões de visitantes por ano.

Um túnel de fuga secreto para o papa
Foto: Raja Patnaik @wikimedia (CC BY-SA 3.0)

Um túnel de fuga secreto para o papa

Em 1277, uma passagem secreta foi construída entre a Cidade do Vaticano e o Castelo de Santo Ângelo na proximidade, formando uma rota de fuga para o papa caso a cidade fosse atacada.

Eles não são arlequins!

Eles não são arlequins!

Os homens com roupas coloridas na frente das entradas da cidade são os famosos guardas suíços. Ex-mercenários, eles compõem agora o exército permanente da Cidade do Vaticano.

Nossas dicas

Melhor época do ano para visitar

Apesar de a Cidade do Vaticano ser extremamente popular entre os turistas durante todo o ano, se você está procurando uma visita mais calma, melhor apostar na baixa temporada, de novembro a fevereiro.

Aproveite seu tempo

Há muita coisa para visitar na Cidade do Vaticano, portanto certifique-se de ter tempo suficiente. Observe que, se você quiser ver a Capela Sistina, é necessário acessar os Museus Vaticanos antes das 15h. Assim, você poderá visitar a Capela antes de seu fechamento.

Devo reservar uma excursão?

Embora haja mais do que o suficiente para ver como visitante individual, aqueles que desejam saber mais sobre a rica história da Cidade do Vaticano podem aproveitar melhor a visita com uma das excelentes excursões disponíveis. Há excursões compartilhadas ou particulares. Essas últimas devem ser reservadas com antecedência.

Veja o papa

É improvável encontrar o papa por acaso em sua visita à Cidade do Vaticano. No entanto, toda quarta-feira durante o verão, o papa realiza uma audiência pública na Praça de São Pedro, e no Salão de Audiências no inverno. A audiência começa às 10h30, mas a maioria dos visitantes chega mais cedo para garantir um bom lugar. A abertura é entre 8h e 8h30.

Informações Úteis

  • Quando visitar?
    365 dias por ano!
  • Quanto custa?
    Gratuito se visto por fora. O preço dos ingressos varia.
  • É necessário guia?
    Não é obrigatório, mas recomendável.
  • Como chegar
    Táxi, ônibus, metrô, bonde ou a pé de Roma. Confira aqui para instruções detalhadas.
  • Mais dicas

    • Não é permitida a entrada de bolsas de grande porte nos museus, traga pouca coisa.

    • Geralmente não há ar condicionado nos museus. Vista-se adequadamente e traga uma garrafa d'água.

Cidade do Vaticano: Avaliações de outros visitantes

Avaliação geral
4.4 / 5
Com base em 125.049 avaliações

Um local encantador e mágico, com séculos de histórias que mudaram o rumo do mundo! Muito bom! Pena não haver visitas em português, uma falha incompreensível, tendo em conta que o português é uma das línguas mais faladas do mundo. Para que se perceba, este grupo tinha 15 pessoas que falavam português e apenas 5 falavam espanhol. Esta visita com guia em português mereceria nota 5!

O guia, Luis, era brasileiro e entendia muito de história, religião e arte. O passeio foi uma experiência muito rica com base em toda informação que ele ia nos passando, muito melhor que visitar os museus por conta própria.

Tour Museus Vaticanos e Capela Sistina Avaliado por

entrada rapida e facil! marquei para as 10h da manhã, muito pontual. porém, se em baixa temporada (eu fui em fevereiro) não tem muita fila, de qualquer forma. Entao vale a pena comprar no momento da chegada!

Amei a experiência, tudo em Roma é lindo e vale muito a pena. E comprem ingressos online antecipadamente, vale mais a pena do que enfrentar fila lá pra comprar.

Achei um pouco exaustivo visto que os Museus do Vaticano são imensos e enormes e ao fim de 2 horas começa a perder o interesse devido ao cansaço.